quarta-feira, 28 de março de 2012

CD CONTOS DO BRASIL

Tanta coisa já mudou! O CD das Lendas virou "Contos do Brasil" e será lançado agora oficialmente esse ano! Diversas músicas estão gravadas e ficaram lindas! A Produz Música está lançando e o trabalho pode ser ouvido abaixo :


segunda-feira, 8 de março de 2010

CD LENDAS BRASILEIRAS SAI DO FORNO AINDA ESSE ANO

O CD Lendas Brasileiras está ficando pronto no final desse ano. O projeto, concebido há quinze anos para um CD multimídia (quando estes eram uma novidade) foi engavetado pela empresa que então o aprovara. Mas as músicas ficaram e sempre foram pedidas pelo público em apresentações. Agora serão lançadas pela produtora Produz Música (www.produzmusica.blogspot.com) com arranjos novos. Vêm também acompanhadas com a contação das histórias e lendas correspondentes. Sai do forno para o segundo semestre
Abração,
Fabio Campos

terça-feira, 27 de outubro de 2009

CHUVA NO CAPIM ::

video

TEMPO DE NÓS ::

video
Apertar o "play" e logo depois pausar. Aguardar um tempo para o "buffering". Quando a barra de tempo estiver após a metade pode acionar de novo o "play". Funciona similar ao you tube.

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

COMPADRE QUELEMÉM NA PUC

Foi nessa sexta-feira última, dia 28 de agosto. O Mar de Minas foi tocado no evento Urian Coletivo. Uma homenagem ao mestre Urian. Também tocaram outros grupos de pastoril (Giselle Tigre e banda) e rock (Experiência de Lucy). Independente de gostos e estilos, o importante foi a confraternização ocorrida no Anfiteatro da PUC-RIO.
Valeu!

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

FABIO CAMPOS GANHA PRÊMIO DE SONOPLASTIA NO FETAERJ 2009

A peça "O que resta" dirigida por Andréa Azevedo do grupo "Teatro de Frente" ganhou diversos prêmios nesta temporada 2009 no Festival de Teatro Associativo do Estado do Rio de Janeiro, o já conhecido prêmio Pascoalino.

Participando da ficha técnica da peça, Fabio Campos, compositor, foi indicado para melhor trilha sonora do festival e ganhou o prêmio de melhor sonoplastia.

Valeu a todos pela força, foi um trabalho intenso e intensivo de 2 meses para chegarmos a esse resultado: Melhor peça, melhor direção, melhor ator coadjuvante, melhor iluminação, melhor sonoplastia. Além de indicações para quase todas as categorias.

sábado, 15 de agosto de 2009

GESTA SE APRESENTA EM LANÇAMENTO DE LIVRO DE RUI DE OLIVEIRA

Está confirmado. Grupo Gesta volta com toda a força tocando os clássicos armoriais (repente, toada e dobrado de cavalhada, lancinante, etc.) em evento de lançamento do livro "A Formosa Princesa Magalona e o amor vencedor do Caveleiro Pierre de Provence" do mestre da ilustração Rui de Oliveira, dia 27 de agosto na livraria Estação das Letras, à r. Mq. de Abrantes 177, lj 107.

A programação inicia-se as 18:00 hs com palestra de Rui abordando as técnicas usadas para a feitura das ilustrações livro e falando sobre sua concepção. Após isto haverá leitura do texto com o ator Zé Mauro Brant e as 19:30 o grupo Gesta se apresentará tocando música armorial.

Simpático evento! Cultura de sobra! Belíssimo livro!
Vale conferir e chegar junto!
Bj nas crianças,
Fabio

GESTA SE APRESENTA NO URIAN COLETIVO 70/50

Vai rolar dia 20 de agosto a homenagem do grupo Gesta ao mestre Urian Agria de Souza. Vai ser no Solar Grandjean de Montigny - Centro Cultural da PUC-RIO, r. Mq. S. Vicente, 225 - Gávea, as 19:30hs. Quem quiser ir tem que chegar cedo pois a sala é pequena e o som será totalmente acústico. À luz de velas, lampiões, aquilo tudo...

Urian, pra quem não sabe, foi um dos que mais estimularam o Gesta em seu nascedouro. Vale conferir a exposição no Solar (dele e de seus alunos), bem como a programação que está na página do mestre: http://www.urian.com.br/ ok?

bjs nas crianças,
Fabio Campos

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

‡‡‡‡‡‡‡‡‡‡‡‡TRILHOS SONOROS‡‡‡‡‡‡‡‡‡‡‡‡‡‡

Alguns trabalhos...



TRAILER 300
(versão adaptada)

video




Vinheta para o 7º Festival de Cinema Brasileiro em Paris

video




Vinheta para o 8º Festival de Cinema Brasileiro em Paris

video

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

MAR DE MINAS NO CASAS CASADAS

Vejam as fotos da apresentação do Mar de Minas no Espaço Rio Carioca, nas Casas Casadas. Valeu!!!










domingo, 2 de novembro de 2008

MAR DE MINAS NO ELIEZER

Mar de Minas participou de uma ação educativa integrada no Colégio Eliézer, em Laranjeiras.
Diz a matéria no site da escola:

"UM CHAMADO JOÃO

Os pais de nossa escola no dia 28 de outubro comemoraram o centenário
de Guimarães Rosa num encontro inspirado, com um clima bem aconchegante, ao som de conversa, música e leitura. O sarau "Um Chamado João" proporcionou aos presentes uma bela mostra do universo complexo, poético e musical que o escritor nos legou. O clima foi de descontração - tivemos cafezinho, cachaça, queijo e bolo de rolo! - e o público pôde se deleitar e trocar idéias sobre Rosa, além de levantar questões sobre a importância da arte e da literatura na formação do indivíduo. Cristiano Mota Mendes músico, compositor, arte-educador e diretor do Núcleo de Estudos Guimarães Rosa, apresentou a obra e biografia do autor de Grande Sertão: Veredas. As atrizes Luciana de Oliveira e Daniele Ramalho contadoras de estórias, leram dois contos do livro Tutaméia, o último publicado por Rosa. Toda a apresentação foi pontuada ao som do violão de Fábio Campos e da percussão de Felipe Antello, apresentando seu repertório do 'Mar de Minas'. O público ouviu, riu e se emocionou. A proposta era mesmo essa: saborear Guimarães num clima de celebração da arte, da vida e seus mistérios."



Discutiu-se, por ocasião de um debate posterior à apresentação, acerca da importância de serem propostas às crianças a apresentação de artistas que mostrem algumas das possibilidades que a cultura pode proporcionar, levando abordagens que desmistifiquem as dificuldades de se "entender" Guimarães Rosa.



Fica sempre mais fácil quando são feitas propostas em que estando os que vivenciam o autor em seu fazer, em sua linguagem, torna-se este não um mito mas um homem como nós, com suas possibilidades, limites, dificuldades, realizações, sonhos, credos de possíveis dias em que o Homem possa se orgulhar do que faz ao invés de, somente, lamentar-se.

A arte pode ser o caminho dessa libertação. Por ela chegarmos a sensibilidade, ao humanismo, ao futuro que seja realmente bom para nós e nossos filhos.

Um beijo,
Fabio Campos

FABIO CAMPOS ACOMPANHA GISELLE TIGRE EM "AGORA É TEMPO"


Fabio Campos e Felipe Antello acompanharam Giselle Tigre em sua apresentação beneficente no Hospital da Lagoa na segunda-feira dia 13 de outubro dia das crianças comemorado junto às crianças internadas.
Foi um trabalho emocionante e que trará frutos, certamente!
Um beijão,
Fabio

domingo, 3 de agosto de 2008

MAR DE MINAS NOS SESCs NITERÓI E SÃO JOÃO DE MERITI


O balanço final do projeto Mar de Minas no SESC Niterói foi extremamente positivo. Na parte musical do projeto as canções que foram muito comentadas pelos espectadores que sugeriram outros espaços para apresentações.


A exposição de quadros também foi muito elogiada, tendo sido vendidas quatro das onze telas expostas. Mais de mil pessoas visitaram a galeria deixando seus comentarios sobre as pinturas.


Após Niterói o projeto foi muitíssimo bem recebido no SESC São João de Meriti. Com lançamento da exposição independente da apresentação musical, Fabio Campos pode dividir o evento com uma palestra de Cristiano e Ronaldo Motta sobre o livro "Tutaméia" de Guimarães Rosa. Além disso o professor Hindemburgo Frazão tomou emprestado o título "Mar de Minas" para proferir sua palestra homônima, a sugestão da coordenação do SESC São João, trazendo mais informações relevantes ao público de jovens estudantes e adolescentes. Após isto, o lançamento da exposição contou com música ambiente do projeto Mar de Minas, cafézinho, bolo de milho, pães de queijo e muita prosa na galeria da unidade. Uma tarde de muitas e ricas atividades em torno de Rosa e seu imaginário variado...
A apresentação se deu duas semanas depois, contando com platéia animada que, acompanhando ora em palmas ora em coreografias espontâneas, encheu o espaço aberto destinado ao palco de Fabio Campos e grupo Compadre Quelemém.
Mais uma vez o projeto foi recebido muito bem pela platéia de alunos de escolas da região e senhores e senhoras da 3a. idade. Uma confraternização em música e poesia!

Já existem conversações sobre outras unidades do SESC, além de espaços no centro do Rio e em Minas Gerais.

Obrigado a todos que ajudaram e visitaram o projeto. Àqueles que não puderam ir, outras oportunidades surgirão, certamente.

Um abraço forte,
Fabio Campos

terça-feira, 20 de maio de 2008

MAPA SESC NITERÓI


A travessia das barcas dura quinze minutos, a caminhada dura cinco, em vinte minutos se chega da praça XV ao SESC Niterói.

Tá duvidando?, vai lá e confere!!!

Clicar no mapa e depois, mandar imprimir em modo "paisagem".

Inté e beijos,

Fabio Campos

segunda-feira, 5 de maio de 2008

MAR DE MINAS NA RÁDIO MALUCA

Foi muito legal a apresentação de Fabio Campos e o grupo Compadre Quelemém no programa Rádio Maluca dirigido por Zé Zuca, no auditório da Rádio Nacional!


As crianças brincaram, dançaram e se divertiram muito, junto aos pais e adultos também presentes ao teatro da Rádio.


Apresentaram-se também os atores Chico Miranda, Luciana de Oliveira e Samara Martins,



lendo e interpretando um texto de Guimarães Rosa – "Hiato" – adaptado pela atriz e escritora Julia Barreto.




O programa Rádio Maluca trouxe também como atração a repórter mirim Juliana do Vale, de apenas 11 anos!



Valeu Zé Zuca! Parabéns ao programa Rádio Maluca!



Abaixo assista a um pedacinho da apresentação do grupo Compadre Quelemém acompanhando Fabio Campos na canção "Cosme" de sua autoria.
(Você pode fazer download dessa música aqui mesmo no blog!!!)


video

segunda-feira, 31 de março de 2008

COMENTE SOBRE O BLOG (SUGESTÕES, IDÉIAS, ELOGIOS E CRÍTICAS)

Faça aqui um comentário sobre a PÁGINA DO FABIO CAMPOS!!!

terça-feira, 25 de setembro de 2007

GESTA NA BAND ESSA SEMANA !!!

Ficou bonito o programa!!! Ariano dando o exemplo recitou Manuel Bandeira, "Vou-me embora pra Pasárgada", de cabeça, além de contar algumas de suas pérolas e casos hilários, como o caso da enchente que invadia sua casa e ele ia pedir ajuda para Santo Ariano (que deu origem ao seu nome), mas antes verificou sua biografia e viu que este havia morrido afogado. Então preferiu pedir auxílio a São Pedro "que era pescador", contou Ariano rindo...

Esta semana vai ser veiculado o Programa Nós da Escola em homenagem ao Ariano Suassuna, com a participação do próprio Ariano e do Grupo Gesta.

O programa inédito é veiculado quarta-feira, dia 26/09, às 14:00 na Band. As reprises acontecem no canal 14 da Net, nos dias e horários: quinta dia 27 às 9h; sexta dia 28 às 12:40; domingo dia 30 às 9:30.

quarta-feira, 22 de agosto de 2007

PRÓXIMA APRESENTAÇÃO DO GRUPO GESTA: MIMO (MOSTRA INTERNACIONAL DE MÚSICA EM OLINDA)

A apresentação do grupo Gesta com Inez Viana em Olinda foi muito bem recebida pelo público.

Agora em setembro, em Olinda, acontece a MIMO, a Mostra Internacional de Música em Olinda. Ateliês, ruas, praças e casarões desta cidade ganham debates culturais, exibições de filmes e atividades educativas inspiradas no farto universo da música.
O Gesta estará presente e tocará no Seminário de Olinda, acompanhando Inez Viana na apresentação "Homenagem a Capiba". Concebida em arranjos de Fabio Campos e Pedro Pamplona, a apresentação estreou por ocasião dos festejos cariocas no Theatro Municipal do Rio de Janeiro dos 80 anos de Ariano Suassuna cuja participação especialíssima – cantando – está confirmada.
Dentre as canções e parcerias destacam-se as de Capiba com Ariano Suassuna, Carlos Drummond de Andrade e a homenagem às parcerias por Fabio Campos, compondo, a partir do soneto de Ariano, uma melodia em ritmo de frevo de bloco, homônima ao poema, chamada "O Amor e o Desejo".

Sítio: http://www.mimo.art.br/concertos.php
Local: Seminário de Olinda
Dia: 07/09 - Sexta-feira
Horário: 18h30

quinta-feira, 2 de agosto de 2007

ÚLTIMAS APRESENTAÇÕES DO GRUPO GESTA

Aconteceu na PUC: Obrigado a todos os que puderam presenciar esta apresentação. Foi uma bela festa poder tocar no espaço onde o Gesta "nasceu".
Um abração,
Fabio Campos

Dia 22/08
- Apresentação de Inez Viana e grupo Gesta: "Homenagem a Capiba". Músicas do grande mestre Capiba em parceria com diversos letristas e poetas, dentre estes destacando-se Ariano Suassuna e Carlos Drummond de Andrade.

horário e local: 13 h. na PUC - Mq. São Vicente, 255 - Gávea




**********************************




A abertura do Simpósio Internacional de Contadores de Histórias se deu no dia 23/08 e foi marcada de muitas emoções com a Leitura de trechos da obra do escritor Ariano Suassuna, pela atriz e musicista Daniele Ramalho, entremeada por músicas armoriais executadas pelo grupo Gesta. Obrigado a todos que prestigiaram e lotaram as dependências do SESC Copacabana. Viva Ariano Suassuna!!!
Abração,
Fabio Campos

horário e local: 9h. no SESC Copacabana - R. Domingos Ferreira, 160 - Copacabana

terça-feira, 31 de julho de 2007

A apresentação MAR DE MINAS

“Mar de Minas” apresenta influências da música mineira das décadas de 60 e 70, mesclada às origens de seu autor, o compositor Fabio Campos, um carioca com raízes no interior gaúcho, goiano e mineiro.“Mar de Minas” é uma apresentação que traz ao público o lirismo das toadas, cantigas e cantorias do sertão das Minas Gerais, fazendo referência às tradições das folias de reis, congadas e moçambiques, presentes na cultura popular desse estado.Como não poderia faltar, acrescenta-se a esse caldo o fato de o autor participar há quase 10 anos do grupo Gesta – de música armorial –, estando assim presentes, também, ritmos e sotaques do Nordeste, notadamente o maracatú e o baião pernambucanos.Fabio Campos é acompanhado pelo grupo “Compadre Quelemém”, composto pelos músicos Pedro Pamplona (Flauta)Ana Clara Valle (Voz e percussões), Antônio Bizerra (Percussões), Marcelo Bruno (Contrabaixo), Felipe Antelo (Bateria) e Guilherme Bedran (Rabeca e bandolim). Fabio Campos canta e toca violão.

FILIPETA CASAS CASADAS

FILIPETA CASAS CASADAS
Dia 4/12 as 20 hs., na R. das Laranjeiras, 307/anexo

Grupo Gesta e Inez Viana tocam em Aula-espetáculo de Ariano Suassuna

Dias 5 e 6 de julho passado o Grupo Gesta e a cantora e atriz Inez Viana tocaram em aula-espetáculo de Ariano Suassuna, na reinauguração do Teatro Municipal de S. Carlos (SP).
Ariano é garantia de casa cheia. A apresentação foi muito bonita como podem comprovar as imagens abaixo, além é claro da deliciosa aula de Suassuna.
Muito bom!
Abraços,
Fabio Campos

Ariano, Inez e grupo Gesta no Teatro Municipal de S. Carlos (SP)

Inez e grupo Gesta

DETALHAMENTO DOS EVENTOS DA AGENDA MAR DE MINAS

Dia 03 de maio de 2008, MAR DE MINAS no programa de rádio ao vivo "Zé Zuca e a Rádio Maluca", transmitido pela rádio MEC!!!
:: No dia 03/05/08, as 10:30 h. , no programa infantil Zé Zuca e a Rádio Maluca, FABIO CAMPOS e o COMPADRE QUELEMÉM apresentam um pouco do projeto integrado MAR DE MINAS, com direito a contação de histórias, leitura de contos de Guimarães Rosa (esse ano é o centenário de seu nascimento) e até uma exposição de quadros no auditório. A Rádio Maluca fica na Rádio Nacional, Praça Mauá, nº 7, no Centro do Rio de Janeiro! A participação é totalmente gratuita e é um programão para as crianças.

Inauguração do projeto MAR DE MINAS no SESC-NITERÓI, dia 27 de maio de 2008 as 18:30 h!!!
:: No dia 27/05/08, terça-feira, as 18:30 h. , será realizada a apresentação musical MAR DE MINAS com FABIO CAMPOS e o grupo COMPADRE QUELEMÉM;
:: Nesse dia acontecerá a abertura da exposição MAR DE MINAS, com 11 quadros representando as 11 músicas que compõem a parte musical do projeto;
:: O projeto prosseguirá em Niterói até o dia 27 de junho, data do centenário de nascimento de Guimarães Rosa.
:: Serão ao todo cinco apresentações musicais sendo três destas abertas ao público (dias 27 de maio e 12 e 26 de junho) e as outras duas para escolas (dias 3 e 17 de junho), de cunho didático.

CONFIRMADO !!! Em agosto de 2008 o projeto MAR DE MINAS estará no SESC-São João de Meriti, nos dias 14 e 28;

O que é o projeto MAR DE MINAS:
O projeto MAR DE MINAS é um projeto integrado de música-pintura-poesia. Criado a partir de composições e pinturas de FABIO CAMPOS, o projeto vem também homenageando o centenário de nascimento do escritor mineiro JOÃO GUIMARÃES ROSA.

contatos com o projeto MAR DE MINAS:
• fabiocampos.musico@gmail.com
• produzmusica@gmail.com

MATÉRIA NO JORNAL EXTRA SOBRE A PEÇA "DISCO DO TEMPO", NO CENTRO CULTURAL DA LIGHT

MATÉRIA NO JORNAL EXTRA SOBRE A PEÇA "DISCO DO TEMPO", NO CENTRO CULTURAL DA LIGHT
Bruno Aragão, Felipe Antello, Fabio Campos, Ricardo Gonçalves na peça "Disco do Tempo", que também conta com a participação da atriz Waleska Arêas. Direção de Márcia do Valle.

PROJETO INTEGRADO MAR DE MINAS (MÚSICA + PINTURA)

Apresentação

O projeto Mar de Minas: música, pintura, poesia é uma proposta multimídia, onde ambas formas de expressão artística — música e pintura — são integradas a partir de um conceito comum estabelecido pelo viés da poética presente na prosa de Guimarães Rosa. Fabio Campos compôs e arranjou as músicas e as apresentará com seu grupo, o Compadre Quelemém.

Em torno da apresentação será realizada a exposição de 11 pinturas (tinta acrílica sobre suporte em madeira), criadas pelo próprio Fabio Campos a partir das temáticas das canções.


Conceito

O projeto Mar Mar de Minas: música, pintura, poesia traz uma abordagem do dia-a-dia mineiro. Pode-se subdividir seu conceito em 3 itens: cotidiano, ciclo da mineração e Guimarães Rosa.

Cotidiano

O dia-a-dia de Minas Gerais em seu interior foi vivenciado por Fabio Campos quando em sua estadia de um ano em Tiradentes, cidade histórica de seis mil habitantes.

Lá pode perceber os códigos e as relações interpessoais, suas festas e suas vivências, seus momentos sagrados e profanos, suas características peculiares. O cotidiano do morador está representado no projeto, a partir das letras que abordam a rua, as congadas, as folias, os mestres, as crianças, as brincadeiras, o modo de viver do homem caipira do interior.

Ciclo da mineração

A fascinante e dramática história que envolve as entradas e as bandeiras. Os bandeirantes, suas batalhas e guerras travadas com índios, negros e mineiros. A formação da identidade do homem das Minas Gerais, sua mescla indígena, lusa e negra. Sua cultura, sua música, seus rituais sincréticos e mestiços, a força da igreja católica e as histórias dessa cultura que gerou personagens e outros tantos heróis como Chico Rei e Chica da Silva, oriundos dessa miscigenação iniciada em fins do séc. XVII durante a procura pelo ouro e pelas pedras preciosas.

As melodias e ritmos traduzem essas peculiaridades históricas de Minas Gerais, da qual o Estado do Rio de Janeiro faz parte enquanto espaço de passagem dos viajantes, escravos e tropeiros rumo a seu destino nas minas de Minas.

Guimarães Rosa

Na literatura de Guimarães Rosa, encontra-se a força e a concentração máxima da mineiridade, a partir do universo criado pelo escritor. Seus personagens, seu texto, sua musicalidade em palavras e ritmos, cores e gestos, sentimentos e sensações, tempo e espaço. Em Rosa, uma possível metafísica das Minas Gerais se dá e se coloca legítima, em seu espaço, em seu lugar sagrado: Na conversa de bois, do burrinho pedrez, em Manuelzão e Miguilim, em Diadorim e Riobaldo Tartarana, em seu anunciado Compadre Meu Quelemém, que batiza, inclusive, o grupo que acompanha Fabio Campos nessa viagem...

Seleções de trechos das obras citadas serão lidas e pontuarão todo o espetáculo, buscando também homenagear o centenário do nascimento do escritor. A poesia contida na prosa de Rosa será assim, matéria e liga das canções e das pinturas em exposição.

A apresentação

São onze as telas pintadas a partir de onze músicas que serão tocadas em uma apresentação de aproximadamente uma hora. Em um telão ao fundo serão projetadas as imagens (em detalhes e inteiras) de cada pintura correspondente a cada música, durante sua execução.

A poesia será a chave-mestra que abrirá portas para a compreensão da linguagem expressiva proposta pelo autor, sem que se precise interpretar o porquê de tal letra ou as razões específicas que levaram a tal pintura ou citação de Guimarães Rosa. Intuitivamente, o espectador que viu o quadro e ouviu as leituras, recebe as informações musicais em letras, melodias, instrumentos e arranjos, tendo uma vivência mais completa do que o autor pensa e sente.

Contatos

Contatos para apresentação do projeto pelos emails: fabiocampos.produz@gmail.com ou produzmusica@gmail.com

Visite o myspace de Fabio Campos em www.myspace.com/fabiocamposmusico

FABIO CAMPOS VAI AO ZÉ ZUCA E A RÁDIO MALUCA

Pela segunda vez, sábado passado (16/02/08) acompanhando a atriz e contadora de histórias Daniele Ramalho, Fabio Campos foi à Rádio Maluca do apresentador e artista Zé Zuca, agora tocando pífano e percussões indígenas.
Daniele Ramalho contou uma história, um mito Bororo que versa sobre a criação dos animais e das estrelas, além de "explicar" como foi que o milho chegou entre nós.
Zé Zuca e a platéia gostaram bastante. Em breve o projeto "Mar de Minas" fará parte da Rádio Maluca, falando com as crianças um pouco de Minas Gerais, suas histórias, a partir de um de seus maiores representantes, o filho de Cordisburgo e homenageado do ano (há 100 anos atrás em 27 de junho ele nasceu), o escritor Guimarães Rosa.
Também fez parte do programa de sábado passado o grupo 4 Cantus, que tocou composições de autores de Cuiabá, arranjadas por Maurício Detoni. Bela apresentação, arranjos delicados e bem trabalhados. Parabéns ao grupo 4 Cantus!
Até breve,
Fabio Campos

FABIO CAMPOS DIRIGE E ATUA NO CENTRO CULTURAL LIGHT

Estreou com casa cheia no dia 11/02, segunda-feira passada o espetáculo institucional "Roda do Tempo", no Centro Cultural da Light.
Dirigido por Márcia do Valle, o texto foi escrito por Bruno Aragão, Ricardo Gonçalves e pela própria Márcia do Valle.
A simpática cenografia fica por conta do premiado cenógrafo Ney Madeira, a bela iluminação por Djalma Amaral e os simpáticos figurinos por Luciana Maia.
No elenco Waleska Areas, Ricardo Gonçalves e Bruno Aragão, além dos músicos-atores Felipe Antello e Fabio Campos.
A direção musical ficou por conta de Fabio Campos e Felipe Antello. As composições - letras e músicas - são todas de Fabio Campos.

A peça
A história trata da chegada do primo Sebastião e sua amiga Claribela. No sotão da casa de Bernardo eles brincam de viajar na imaginação através de uma "máquina do tempo" inventada pelo próprio avô.
Então começa a "viagem" pelo tempo através de músicas e curiosidades como a chegada da energia elétrica e as modificações do início do Sec. XX na cidade do Rio de Janeiro.
A narrativa atravessa acontecimentos históricos como a invenção da lâmpada elétrica, o surgimento do telefone, do bonde elétrico, dos cinematógrafos (os "pais" do atual cinema) até chegar em questões atuais como sustentabilidade ambiental, tudo colocado de maneira lúdica, visando o entendimento da utilização racional de energia e sua fonte geradora principal: a água.
A peça tem a duração de aproximadamente 50 minutos e está apoiada pela Lei de incentivo à Cultura do Estado do Rio de Janeiro.

OBRAS LICENCIADAS PELO CREATIVE COMMONS

Creative Commons License
Todas as músicas de Fabio Campos aqui apresentadas, direcionadas e com link para o sítio Overmundo, bem como as animações de Café com Pão e Cosme estão licenciadas sob uma Licença Creative Commons.